Égua

Uma égua em um sonho representa uma mulher nobre. Se a pessoa vê-se montando uma égua em um sonho, isso significa que ele pode estuprar uma casta e uma mulher nobre. Em geral, uma égua em um sonho representa as pessoas que são conhecidos por sua honestidade e boa conduta. A compra de uma égua em um sonho também significa casar. Se um já é casado, então isso significa que ele vai possuir uma propriedade ou uma fazenda. Uma égua em um sonho representa também uma pessoa rica, uma bela mulher ou um homem bonito olhar, uma pessoa religiosa, uma esposa reconfortante, um marido tolerante, ou uma pessoa doente. Se a pessoa perde sua égua, ou se morrer no sonho, isso significa que ele vai perder sua fonte de renda. Desmontagem uma égua em um sonho pode significar a perda de um negócio, um divórcio, ou perda de sua casa. Ao ouvir o guincho de uma égua em um sonho significa aumento na sua renda, ou poderia significar uma de promoção no trabalho. Beber o leite de uma égua em um sonho significa desenvolver um relacionamento benéfico com um político. (Veja também Donkey | cavalo)

Você sonhou com alguma coisa e gostaria de interpretá-la? Compartilhe o seu sonho

O seu email não será publicado.

*

1 sonho - “Égua

  1. Sonhei que estava em um bosque com meu marido e meus filhos. O caçula estava no meu colo e o mais velho estava a segurar a mão do pai. O lugar estava frio e tinha chovido muito. Quando chegavámos próximo a uma árvore bem alta e bonita, havia uma cerca baixa que estava a mais ou menos uns 10 ou 15 metros de distância de nós e na frente dessa cerca tinha uma estradinha de terra. Quando estávamos nos encaminhando rumo a essa estradinha vi uma vaca amarelada brigando com um égua prenha também da mesma cor. Elas davam patadas uma na outra e pareciam muito bravas, até que elas pararam de brigar. A vaca foi para o outro lado da estrada e a egua continuou pastando onde estava. Fiquei com medo pelos meus filhos, até que um homem alto e barbudo nos ajudávamos a passar por aquela estradinha sem que a vaca e a egua nos atacassem. Daí não me lembro de mais nada…